Estiagem obriga companhia a fazer rodízio para abastecer cidades do RN

terça-feira, 14 de janeiro de 2014 Pôla Pinto



Dona de casa em Carnaúba dos Dantas, RN, mostra que não há água nas torneiras  (Foto: Anderson Barbosa/G1)
A redução da quantidade de água na captação da Adutora Média Oeste, localizada na Barragem Armando Ribeiro Gonçalves, no município de Jucurutu, obrigou a Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) a fazer um rodízio no abastecimento das cidades atendidas pela adutora.

A partir das 7h desta terça-feira (14), as cidades de Paraú e Campo Grande estarão com o abastecimento suspenso durante 24 horas, enquanto Messias Targino e Janduís terão água.

Já na quarta-feira (15), Paraú e Campo Grande estarão com o abastecimento normal por 24 horas e Messias Targino e Janduís com o abastecimento suspenso. O abastecimento das cidades permanecerá sendo alternado, nos próximos meses, até que as condições da captação melhorem.

As cidades de Patu e Triunfo Potiguar, também atendidas pela adutora Médio Oeste, permanecerão com seu abastecimento normal. De acordo com o gerente da Regional Mossoró, Nehilton Barreto, a medida operacional tem o objetivo de diminuir o risco de colapso.

Acompanhamento

A partir da adoção destas medidas, a Caern permanecerá fazendo análise do comportamento da situação. “Vamos acompanhar como o sistema se comportará e se houver necessidade poderá haver novas modificações no atendimento”, menciona Nehilton.

A companhia informa que uma série de medidas foram tomadas ao longo dos últimos meses para evitar o rodízio, mas foi necessário adotar o mesmo em razão da estiagem. “Ultimamente as cidades não estavam sendo bem atendidas. Com esta medida esperamos atender bem todos”, diz o gerente regional.


Deixe seu comentário

Tecnologia do Blogger.
Design desenvolvido por Railton Rocha | 84 9667-0229.