Polícia Federal abrirá investigação sobre boato da suspensão do Bolsa Família no Brasil

segunda-feira, 20 de maio de 2013 Pôla Pinto

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, determinou ontem que a Polícia Federal abra inquérito para apurar a origem do boato sobre a suspensão do Programa Bolsa Família, segundo o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS).

A informação falsa de que só seria possível sacar o benefício até o dia 18 de Maio de 2013 levou muitas pessoas às agências da Caixa Econômica Federal e dos Correios.

A Presidência da República detectou a informação em estados como a Paraíba, o Amazonas, o Maranhão e o Rio de Janeiro. O boato se espalhou pelas redes sociais e há beneficiários perguntando se o Bolsa Família será suspenso ou cancelado.

Em entrevista coletiva a imprensa ontem, a Ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello, disse que não conseguiria entender o que levaria alguém a ganhar propagando boato sobre o fim do programa Bolsa Família, ressaltando que o governo federal não vai ser prejudicado, pois o Bolsa Família já está consolidado.

A Caixa Econômica Federal (CEF) e o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) divulgaram notas negando qualquer mudança no calendário de pagamento e reafirmando a manutenção das regras do programa.

“O Ministério do Desenvolvimento Social informa que não há qualquer veracidade nos boatos relativos à suspensão ou interrupção dos pagamentos do Programa Bolsa Família. O MDS reafirma a continuidade do Bolsa Família, assegura que o calendário de pagamentos divulgado anteriormente está mantido e que não há qualquer possibilidade de alteração nas regras”, diz a nota do MDS.

Para saber mais sobre o calendário de pagamento do Bolsa Família acesse o site da Caixa Econômica Federal Clique Aqui! ou ligue para o telefone 0800 726 0101 para consultas.

Com informações da Agência Brasil


Deixe seu comentário

Tecnologia do Blogger.
Design desenvolvido por Railton Rocha | 84 9667-0229.